Quem Somos
Quem Somos
Origem do Bairro

São Mateus é um distrito localizado no extremo leste de São Paulo, a cerca de 18 Km do centro da capital. Na década de 40, não passava de uma grande fazenda: a Fazenda Rio das Pedras.

Em 1946, uma gleba de 50 alqueires de terras foi vendida à Família Bei (Mateo e Salvador Bei), dando origem a fazenda São Mateus. Dois anos depois da aquisição das terras, em 1948, Mateo Bei, o patriarca da família, decide lotear a área, surgindo dessa iniciativa o bairro de São Mateus. Sua principal avenida leva o nome de Mateo Bei.

O desenvolvimento acelerado do bairro deve-se ao grande progresso econômico do ABC e à forte migração para São Paulo (principalmente de mineiros, portugueses, japoneses, pessoas oriundas do interior de São Paulo e nordestinos).

Na década de 50, os moradores se organizaram para pedir melhorias e assim surgiram as primeiras escolas e linhas de transporte público. Aos poucos, a região ganhou ruas asfaltadas, redes de água e esgoto, iluminação pública, delegacias e agências dos Correios.

Hoje, São Mateus tem praticamente tudo: bancos, comércio diversificado, indústrias e setores de prestação de serviços, a grande maioria situada nos arredores da Avenida Mateo Bei, cada vez mais valorizada.

Há poucos anos, os moradores ganharam um Cartório de Registro Civil, vitória conquistada com a inauguração da serventia em 05/06/2000.

Registro Civil em São Mateus é mais uma conquista da população
Iniciativas pioneiras e capacitação dos profissionais fazem do cartório do bairro ponto central do novo Distrito

Uma das maiores e mais recentes conquistas dos cidadãos de São Mateus foi a inauguração do Cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais, em 5 junho de 2000. Até esta data, os distritos de Vila Prudente, Guaianazes e, principalmente, Itaquera, absorviam a demanda da região, que contabiliza mais de 500 mil habitantes. Após ser aprovada no 1° concurso público realizado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, Daniela Silva Mróz assumiu o desafio de instalar a nova serventia.

Formada em Direito pela Universidade São Francisco, foi incentivada por sua mãe, que trabalhava como auxiliar em um tabelionato de notas, a participar do concurso. Durante as provas, trabalhava na área de Direito Penal e, por gostar também de questões de Direito de Família, optou por atuar no Registro Civil. A demanda inicial foi muito maior do que a esperada. A serventia começou a funcionar com seis funcionários e, no dia seguinte, já teve que duplicar este número. “Tinham pessoas que estavam desde as 5 da manhã na porta porque queriam marcar o primeiro casamento do cartório, teve até bate boca”, lembra Daniela.

Hoje, o cartório funciona com mais de 30 funcionários. Daniela contou com grande apoio de políticos da região que por anos buscavam a instalação do registro civil no bairro, que a ajudaram a divulgara inauguração do cartório. “Pela minha colocação, tinha a opção de escolher São Mateus ou Capão Redondo, que ainda não tinham um cartório, e Brasilândia, que já possuía. Eu nunca tinha vindo a São Mateus, mas tinha ouvido dizer que a região era rica, tinha uma população muito grande e estava precisando muito do registro civil. Diante disso, optei por São Mateus e acho que sou muito útil aqui”, comenta. São Mateus é uma região altamente populosa e estima-se que quase 70% de seus cidadãos sejam de baixa renda, apesar da grande circulação de capital no movimentado comércio local. Esta realidade é refletida diretamente no dia-a-dia do cartório.

Hoje, o cartório possui adaptações de acessibilidade e atendimento preferencial, sala exclusiva para casamentos e espaço decorado para fotografias, sistema de senhas eletrônicas em todos os serviços e acomodações para espera em local que costuma estar sempre cheio. O Cartório sempre promove novas melhorias, ampliações em espaco de espera, aplicação de novas tecnologias, investimento em aperfeiçoamento constante de colaboradores, buscando um atendimento de excelência a população do bairro de São Mateus.

Daniela sente sua contribuição para os cidadãos de São Mateus, e atribui a melhora da imagem do Registro Civil perante a sociedade à dedicação dos registradores de todo o Estado. “Acho que o Registro Civil, dentre todas as naturezas, tem uma imagem melhor devido ao trabalho e às campanhas feitas pela Arpen-SP. Fazemos muitas coisas gratuitas, então percebemos a gratidão das pessoas carentes. Nesses anos que estou aqui, o bairro só melhorou”.

Premiações

Premio Ouro 2012: O Registro Civil de Pessoas Naturais do Distrito de São Mateus, em São Paulo, foi premiado na categoria Ouro, na edição de 2012 do Prêmio de Qualidade Total promovido pela Associação dos Notários e Registradores do Brasil (Anoreg-BR), cuja cerimônia de premiação ocorreu no dia 18 de novembro 2012 durante a abertura do XIV Congresso Brasileiro de Direito Notarial e de Registro, realizado em Salvador (BA).

Premio Diamante 2013: O Registro Civil de Pessoas Naturais do Distrito de São Mateus, em São Paulo, foi premiado na categoria Diamante , na edição de 2013 do Prêmio de Qualidade Total promovido pela Associação dos Notários e Registradores do Brasil (Anoreg-BR), cuja cerimônia de premiação ocorreu no dia 22 de novembro 2013 durante a abertura do XV Congresso Brasileiro de Direito Notarial e de Registro, realizado em Natal (RN).

Premio Diamante 2014: O Registro Civil de Pessoas Naturais do Distrito de São Mateus, em São Paulo, foi premiado na categoria Diamante , na edição de 2014 do Prêmio de Qualidade Total promovido pela Associação dos Notários e Registradores do Brasil (Anoreg-BR), cuja cerimônia de premiação ocorreu em novembro 2014 durante a abertura do XVi Congresso Brasileiro de Direito Notarial e de Registro, realizado em Gramado (RS)

Premio Diamante 2015: O Registro Civil de Pessoas Naturais do Distrito de São Mateus, em São Paulo, foi premiado na categoria Diamante , na edição de 2015 do Prêmio de Qualidade Total promovido pela Associação dos Notários e Registradores do Brasil (Anoreg-BR), cuja cerimônia de premiação ocorreu em novembro 2015 durante o XVII Congresso Brasileiro de Direito Notarial e de Registro, realizado em Balneário Camboriú (SC).

Premio Ouro 2017: O Registro Civil de Pessoas Naturais do Distrito de São Mateus, em São Paulo, foi premiado na categoria Ouro, na edição de 2017 do Prêmio de Qualidade Total promovido pela Associação dos Notários e Registradores do Brasil (Anoreg-BR), cuja cerimônia de premiação ocorreu em novembro 2017 durante o XIX Congresso Brasileiro de Direito Notarial e de Registro, realizado em Fortaleza (CE).

Fonte:pt.wikipedia.org/wiki/São_Mateus